Ajuda de Relacionamento

Construindo relacionamentos satisfatórios que duram

Um relacionamento romântico saudável e seguro pode servir como uma fonte contínua de apoio e felicidade na vida. Pode fortalecer todos os aspectos do seu bem-estar, da sua saúde física e mental ao seu trabalho e conexões com os outros. No entanto, um relacionamento que não é favorável pode ser um tremendo dreno para você emocionalmente. Amor e relacionamentos levam trabalho, comprometimento e disposição para se adaptar e mudar com seu parceiro. Se você está procurando manter um relacionamento saudável forte ou reparar um relacionamento nas rochas, essas dicas podem ajudá-lo a construir uma união solidária e duradoura.

Como fortalecer seu relacionamento e fazer amor durar

Para a maioria das pessoas, apaixonar-se geralmente parece acontecer. É preservar essa experiência de "apaixonar-se", que requer compromisso e trabalho. Dadas as suas recompensas, vale a pena o esforço. Ao tomar medidas agora para preservar ou reacender a sua experiência de apaixonar-se, você pode construir um relacionamento significativo que perdure - mesmo por toda a vida.

O que faz um relacionamento amoroso saudável?

O relacionamento de todos é único e as pessoas se reúnem por diversos motivos. Mas há alguns aspectos que bons relacionamentos têm em comum. Conhecer os princípios básicos dos relacionamentos saudáveis ​​ajuda a mantê-los significativos, gratificantes e estimulantes em momentos felizes e tristes.

Permanecendo conectados uns com os outros. Alguns relacionamentos ficam presos na coexistência pacífica, mas sem que os membros realmente se relacionem e trabalhem juntos. Embora a parceria possa parecer estável na superfície, a falta de envolvimento e comunicação aumenta a distância entre duas pessoas. Quando você precisa falar sobre algo importante, a conexão e a compreensão podem não estar mais presentes.

Não tenha medo de desacordo (respeitoso). Alguns casais falam em voz baixa, enquanto outros podem levantar a voz e discordar apaixonadamente. A chave em um relacionamento forte, no entanto, não é ter medo de conflitos. Você precisa se sentir seguro para expressar coisas que o incomodam sem medo de retaliação, e ser capaz de resolver conflitos sem humilhação, degradação ou insistir em estar certo.

Mantendo relacionamentos e interesses externos vivos. Apesar das alegações de ficção romântica ou filmes, ninguém pode atender a todas as suas necessidades. De fato, esperar demais do parceiro pode colocar uma pressão doentia no relacionamento. Para estimular e enriquecer seu relacionamento amoroso, é importante preservar as relações com a família e os amigos e também manter hobbies e interesses fora do relacionamento.

Comunicação aberta e honesta. Uma boa comunicação é uma parte fundamental de qualquer relacionamento. Quando as duas pessoas se sentem à vontade para expressar suas necessidades, medos e desejos, confiança e vínculos são fortalecidos. Uma grande parte da boa comunicação é ter a habilidade de captar sinais não-verbais. Para que um relacionamento funcione bem, cada pessoa precisa entender as próprias pistas não-verbais ou a "linguagem corporal" do parceiro.

Dica 1: gasta tempo de qualidade juntos

Você se apaixona olhando e ouvindo um ao outro. Se você continuar a olhar e ouvir da mesma maneira atenta, você pode sustentar a experiência de se apaixonar a longo prazo. Você provavelmente tem boas lembranças de quando você estava namorando sua amada pela primeira vez. Tudo parecia novo e excitante, e você provavelmente passava horas conversando ou criando novas e excitantes coisas para experimentar. No entanto, à medida que o tempo passa, as exigências do trabalho, da família, de outras obrigações e da necessidade que todos temos pelo tempo para nós mesmos podem tornar mais difícil encontrar tempo juntos.

Muitos casais acham que o contato cara-a-cara de seus primeiros dias de namoro é gradualmente substituído por textos apressados, e-mails e mensagens instantâneas. Embora a comunicação digital seja ótima para alguns propósitos, ela não afeta positivamente o cérebro e o sistema nervoso da mesma forma que a comunicação face a face. Os sinais emocionais que ambos precisam sentir-se amados só podem ser transmitidos pessoalmente, portanto, não importa o quão ocupada a vida esteja, é importante dividir o tempo para passar juntos.

Faça coisas juntas que beneficiem os outros

Uma das maneiras mais poderosas de permanecer próximo e conectado é se concentrar em algo que você e seu parceiro valorizam fora do relacionamento. O voluntariado para uma causa, projeto ou trabalho comunitário que tenha significado para ambos pode manter um relacionamento novo e interessante. Também pode expor você a novas pessoas e idéias, oferecer a oportunidade de enfrentar novos desafios juntos e fornecer novas formas de interagir uns com os outros.

Além de ajudar a aliviar o estresse, a ansiedade e a depressão, fazer coisas para beneficiar os outros proporciona imenso prazer. Os seres humanos são programados para ajudar os outros. Quanto mais você ajudar, mais feliz você se sentirá - como indivíduos e como casal.

Maneiras simples de se conectar como casal e reacender o amor

  • Comprometer-se a passar algum tempo de qualidade juntos todos os dias em uma base regular. Mesmo durante os períodos mais movimentados, apenas alguns minutos de compartilhamento e conexão podem ajudar a manter os laços fortes.
  • Encontre algo que você goste de fazer juntos seja um passatempo compartilhado, aula de dança, caminhada diária ou uma xícara de café pela manhã.
  • Tente algo novo em conjunto. Fazer coisas novas em conjunto pode ser uma maneira divertida de se conectar e manter as coisas interessantes. Pode ser tão simples como experimentar um novo restaurante ou fazer uma viagem de um dia a um lugar que você nunca esteve antes.

Dica 2: Mantenha a intimidade física viva

O toque é uma parte fundamental da existência humana. Estudos em crianças mostraram a importância do contato físico regular e afetivo para o desenvolvimento do cérebro. E os benefícios não terminam na infância. O contato carinhoso aumenta os níveis do corpo de oxitocina, um hormônio que influencia a ligação e o apego.

Embora a relação física seja frequentemente uma pedra angular de um relacionamento comprometido, não deve ser o único método de intimidade física. Freqüentes e carinhosas mãos de toque, abraços, beijos - são igualmente importantes.

Seja sensível ao que seu parceiro gosta. Toques indesejados ou aberturas inapropriadas podem fazer a outra pessoa ficar tensa e recuar - exatamente o que você não quer.

Dica 3: Fique conectado através da comunicação

Boa comunicação é parte fundamental de um relacionamento saudável. Quando as pessoas param de se comunicar bem, elas param de se relacionar bem, e os momentos de mudança ou estresse podem realmente causar desconexão. Enquanto você estiver se comunicando, poderá trabalhar com qualquer problema que esteja enfrentando.

Diga ao seu parceiro o que você precisa, não o faça adivinhar.

Nem sempre é fácil falar sobre o que você precisa. Mesmo quando você tem uma boa ideia do que é importante para você em um relacionamento, falar sobre isso pode fazer com que você se sinta vulnerável, envergonhado ou até envergonhado. Mas olhe para isso do ponto de vista do seu parceiro. Proporcionar conforto e compreensão a alguém que você ama é um prazer, não um fardo. Então diga ao seu parceiro o que você precisa. E lembre-se, todo mundo muda com o tempo. O que você precisava do seu parceiro há cinco anos pode ser diferente do que você precisa agora.

Tome nota das sugestões não verbais do seu parceiro

Muito da nossa comunicação é transmitida pelo que não dizemos. Dicas não-verbais, que incluem contato visual, tom de voz, postura e gestos, como se inclinar para a frente, cruzar os braços ou tocar a mão de alguém, comunicam muito mais do que palavras. Para que um relacionamento funcione bem, cada pessoa precisa entender as próprias pistas não-verbais ou a "linguagem corporal" do parceiro.

Pense sobre o que você está transmitindo também e se o que você diz corresponde à sua linguagem corporal. Se você disser "estou bem", mas apertar os dentes e desviar o olhar, então seu corpo está claramente sinalizando que você é tudo menos "ótimo".

Quando você experimenta sinais emocionais positivos de seu parceiro, você se sente seguro e feliz, e quando você envia sinais emocionais positivos, seu amado sente o mesmo. Quando você parar de se interessar pelas suas próprias emoções ou pelo de seu parceiro, sua capacidade de comunicação sofrerá, especialmente durante períodos de estresse.

Questione suas suposições

Se você se conhece há algum tempo, pode supor que seu parceiro tenha uma boa ideia do que você está pensando e do que você precisa. No entanto, seu parceiro não é um leitor de mentes. Enquanto seu parceiro pode ter alguma idéia, é muito mais saudável expressar suas necessidades diretamente para evitar qualquer confusão. Seu parceiro pode sentir alguma coisa, mas pode não ser o que você precisa. Além disso, as pessoas mudam e o que você precisava e queria há cinco anos, por exemplo, pode ser muito diferente agora. Adquirir o hábito de expressar suas necessidades ajuda você a enfrentar momentos difíceis, que podem levar a um aumento do ressentimento, da incompreensão e da raiva.

Dica 4: Aprenda a dar e receber seu relacionamento

Se você espera obter o que deseja em 100% do tempo em um relacionamento, estará se preparando para o desapontamento. Relacionamentos saudáveis ​​são construídos em compromisso. No entanto, é preciso trabalhar com a parte de cada pessoa para garantir que haja uma troca razoável.

Reconheça o que é importante para o seu parceiro

Saber o que é realmente importante para o seu parceiro pode ajudar muito a construir uma boa vontade e uma atmosfera de compromisso. Por outro lado, também é importante que seu parceiro reconheça seus desejos e que você os declare claramente. Dar constantemente aos outros à custa de suas próprias necessidades constrói ressentimento e raiva.

Não faça "ganhar" seu objetivo

Se você se aproxima de seu parceiro com a atitude de que as coisas têm que ser do seu jeito, ou então, será difícil chegar a um compromisso. Às vezes, essa atitude vem de não ter suas necessidades satisfeitas quando mais novas, ou poderiam ser anos de ressentimento acumulado no relacionamento atingindo um ponto de ebulição. Está tudo bem em ter fortes convicções sobre algo, mas seu parceiro merece ser ouvido também. É mais provável que você atenda às necessidades se respeitar o que seu parceiro precisa e comprometer quando puder.

Aprenda a resolver respeitosamente o conflito

Conflito é inevitável em qualquer relacionamento, mas para manter um relacionamento forte, ambas as pessoas precisam sentir que foram ouvidas. O objetivo não é vencer, mas resolver o conflito com respeito e amor.

  • Certifique-se de que você está lutando justo.
  • Não ataque alguém diretamente, mas use as declarações "eu" para comunicar como você se sente.
  • Não arraste argumentos antigos para o mix.
  • Mantenha o foco no assunto em questão e respeite a outra pessoa.

Dica 5: Esteja preparado para altos e baixos

É importante reconhecer que há altos e baixos em todos os relacionamentos. Você nem sempre estará na mesma página. Às vezes, um parceiro pode estar lutando com um problema que os enfatiza, como a morte de um familiar próximo. Outros eventos, como perda de emprego ou problemas graves de saúde, podem afetar ambos os parceiros e dificultar a relação entre eles. Você pode ter idéias diferentes de gerenciar finanças ou criar filhos. Diferentes pessoas lidam com o estresse de maneira diferente, e o mal-entendido pode rapidamente se transformar em frustração e raiva.

Conselhos de relacionamento para superar os altos e baixos da vida

  • Não tire seus problemas com seu parceiro. As tensões da vida podem nos tornar curtas. Se você está lidando com muito estresse, pode parecer mais fácil desabafar com o seu parceiro, e até se sentir mais seguro para atacar ele ou ela. Lutar assim pode inicialmente parecer um alívio, mas ele lentamente envenena seu relacionamento. Encontre outras maneiras de desabafar sua raiva e frustração.
  • Alguns problemas são maiores do que vocês dois. Tentar forçar uma solução pode causar ainda mais problemas. Toda pessoa trabalha com problemas e problemas à sua maneira. Lembre-se que você é um time. Continuando a avançar juntos, você pode passar pelos pontos difíceis.
  • Esteja aberto para mudar. A mudança é inevitável na vida e acontecerá se você for com ela ou lutar contra ela. A flexibilidade é essencial para se adaptar à mudança que está sempre ocorrendo em qualquer relacionamento, e permite que você cresça em conjunto através dos bons e dos maus momentos.

Se você precisar de ajuda externa para problemas de relacionamento

Às vezes, problemas em um relacionamento podem parecer muito complexos ou esmagadores para você lidar como um casal. Nesse caso, é importante procurar ajuda em conjunto. As opções disponíveis incluem:

Aconselhamento de casais. Ambos os parceiros precisam comunicar honestamente o que precisam, enfrentar os problemas que surgem no aconselhamento e, em seguida, fazer as mudanças necessárias. Também é muito importante que ambas as pessoas se sintam à vontade com o conselheiro.

Terapia individual. Às vezes, um parceiro pode precisar de ajuda especializada. Por exemplo, se você está sofrendo a perda de um ente querido, você pode precisar de aconselhamento para ajudar a processar o luto. Se o seu ente querido precisar de ajuda, não sinta que você é um fracasso por não fornecer tudo o que ele ou ela precisa. Ninguém pode satisfazer as necessidades de todos e obter a ajuda certa pode fazer uma grande diferença no seu relacionamento.

Conselhos espirituais O conselho de uma figura religiosa, como um pastor ou rabino, funciona melhor se ambos os parceiros tiverem convicções de fé semelhantes e um bom relacionamento com o conselheiro espiritual.

Edifício de Inteligência Emocional. O Kit de Ferramentas de Inteligência Emocional gratuito do Helpguide fornece artigos, vídeos e meditações de áudio projetadas para ajudar você a colocar as habilidades de inteligência emocional e comunicação em prática.

Leitura recomendada

Os benefícios de saúde de relacionamentos fortes - Como boas conexões podem melhorar sua saúde e aumentar a longevidade. (Publicações de saúde de Harvard)

Eu estou em um relacionamento saudável? - Artigo destinado a adolescentes para determinar se o seu relacionamento é tão saudável como deveria ser. (Kids Health)

Ajuda com Relacionamentos - Artigos que abordam problemas comuns de relacionamento, como argumentos e conflitos, comunicação e infidelidade. (Relate Reino Unido)

Como você pode melhorar seu relacionamento? - Dicas para nutrir seu relacionamento. (Relacionamentos Austrália)

Autores: Lawrence Robinson, Melinda Smith, M.A. e Jeanne Segal, Ph.D. Última atualização: outubro de 2018.

Assista o vídeo: Quando desistir de um relacionamento? (Dezembro 2019).

Loading...

Categorias Populares